Bem-vindo à página oficial da Assembleia da República

Nota de apoio à navegação

Nesta página encontra 2 elementos auxiliares de navegação: motor de busca (tecla de atalho 1) | Saltar para o conteúdo (tecla de atalho 2)
Iniciar sessão
Home page da Assembleia da República Versão Inglesa Versão Francesa
Os cidadãos
* ComunicAR * Subscrever conteúdos * Versão áudio * ARtv-emissão em direto * Contactos * Mapa do site * Correio do cidadão Botão para executar a pesquisa Pesquisa avançada
Parlamento
Presidente
Deputados e Grupos Parlamentares
Registo de Interesses
Grupo de Trabalho para o Parlamento Digital
Comissões Parlamentares
Fiscalização Política
Atividade Parlamentar e Processo Legislativo
Relações Internacionais
Assuntos Europeus
Orçamento do Estado e Contas Públicas
Revisões Constitucionais
Diário da Assembleia da República
Gestão do Parlamento
Biblioteca, Arquivo e Documentação
Legislação
Livraria Parlamentar
Mário Soares

​​É com grande pesar que tomo conhecimento do falecimento de Mário Soares.   

É costume dizer-se dos grandes políticos que a sua vida se confunde com a do tempo histórico que viveram. No caso de Mário Soares, não será exagerado dizer que é o último quartel do século XX português que se confunde com ele.

Lutou pela liberdade antes e depois do 25 de abril. Se a nossa geração já fez política em democracia, se as gerações dos meus filhos e netos já cresceram num País livre, democrático e europeu, a ele muito o devemos.

Como líder político e Deputado à Assembleia Constituinte, Mário Soares foi um dos fundadores da democracia portuguesa, iniciada pelo Movimento das Forças Armadas a 25 de abril de 1974, assim reconhecido em Portugal e no estrangeiro.

Como Deputado à Assembleia da República prestigiou o parlamento e o parlamentarismo. 

Como Primeiro-Ministro, esteve por detrás de grandes conquistas, como a criação do Serviço Nacional de Saúde, da Concertação Social e da adesão à então Comunidade Económica Europeia.

Como Presidente da República, afirmou Portugal e prestigiou o Estado, abrindo a presidência à sociedade e à cultura.

O Portugal democrático, europeu e cosmopolita é o País de Mário Soares.

Mário Soares foi um Grande Português. 

Em nome da Assembleia da República quero transmitir as minhas mais sentidas condolências à Família e amigos mais próximos, também extensível a todo o Partido Socialista.

Eduardo Ferro Rodrigues
Presidente da Assembleia da República

07/01/2017
Símbolo da acessibilidade Acessibilidade Ficha técnica Administrador  Reserva de Propriedade Política de Privacidade Cookies
© Assembleia da República